Gris

Gris explora os espaços do indivíduo nas metrópoles onde o disco foi gravado – Curitiba, São Paulo e Buenos Aires – e conecta fronteiras, harmonizando no disco as inspirações contemporâneas da intérprete com traços de ritmos sulista, nuances latinas e, também, brasilidades. O álbum foi produzido por Dante Ozzetti e tem participação de Arrigo Barnabé, Antônio Loureiro, Paulinho Moska, Juan Pablo Navarro, Santiago Segret e Diego Schissi. 2016.

Invento

Fusão harmônica dos gêneros musicais da região sul com elementos minimalistas e do jazz. Conduzida pela imagem do inverno, Juliana Cortes reproduz um sul atual, lugar comum da música experimental, contemporânea, jazz, rock e pop, representados aqui pelas obras do paranaense Chico Mello, de Carlos Careqa, Paulo Leminski, Lisandro Aristimuño, Estrela Leminski, Leo Minax, Alexandre Nero e Vitor Ramil. Gravado em Curitiba. Produção Musical de Fred Teixeira. 2013.